sábado, 27 de novembro de 2010

Indo de volta pra casa...


É... agora eu vejo que esse ano está mesmo chegando ao final. Ah, e sei também que no dia 31 de dezembro o meu colégio irá fechar. Sei também que ano que vem, eu e meus amigos iremos nos separar, pois estudaremos em colégios diferentes. É, antes eu pensava nisso e sentia uma angústia muito forte. Mas hoje... hoje eu realmente me dei conta de quanto o ano que vem vai ser diferente... e triste. Por mais que eu possa encontrar novos amigos, conhecer novas pessoas, eu sei que vai ser difícil. Poxa, nesse ano aconteceram coisas que me fizeram crescer, fortalecer, sorrir, chorar, me estressar muito, gritar...
Agora eu estou aqui, em frente a este computador, desabafando para não sei quem que vá ver isso aqui, talvez ninguém, talvez muitas pessoas... E eu penso no que estava acontecendo um ano atrás. Sei que eu estava feliz, porque... bem, eu estava feliz. E já faz um ano. Dia 29 vai fazer um ano que eu fui para o Mirabilândia... Foi tão lindo aquele dia. Na verdade, um dos melhores da minha vida. Eu me diverti muito, muito mesmo. Eu conversei sério naqueles quarenta minutos na fila com Yasmin, eu ri da cantada que eu e Bia levamos ao sair do brinquedo: "Tão molhadinhas, né" ou algo assim, eu gritei naquela montanha russa. Foi muito lindo. Dia 30 vai fazer um ano da minha dor no estômago, do aniversário de Bianca, do bolo que eu só comi os farelos, da gema de ovo que me melou toda. E, claro, dia 02 de dezembro. O dia mais inesquecível da minha vida. Se eu pudesse voltar atrás, eu mudaria muitas coisas. Acho que ao acordar, eu nunca imaginei que esse dia seria assim... Mas enfim, será 1 ano do MF, 1 ano do amigo secreto, 1 ano da suposta suspensão, 1 ano de banho no chuveiro, 1 ano do fim, 1 ano do início.
Sabe, são muitos momentos inesquecíveis. O ano tá acabando, e isso me faz lembrar do Ano Novo que passei ao lado de algumas amigas minhas. E eu lembro do outro dia, o primeiro do ano. Poxa, dá uma dor muito grande. Tanta coisa mudou. Eu sinto tanta saudade de como as coisas eram antes. Mas não dá para voltar atrás, não dá...
E esse ano... tantas vezes eu já falei o quanto ele era ruim. Até aqui mesmo, no blog, eu disse coisas horríveis.
Mas os meus amigos... Por mais que o que tenha ocorrido ano passado entre nós tenha sido melhor, esse ano também foi lindo. Vai ser horrível entrar na sala de aula, e não ver os mesmos rostinhos escutando a oração. Não ter as aulas que eu sempre tinha. Não ver Flaubert no corredor pedindo para eu ir para a sala. Vai doer, vai doer muito.
A viagem... tão linda. Eu me aproximei de algumas pessoas da 8ªA, passei a sentir um carinho enorme por elas. Aquele pier, meu Deus. Sério, toda vez que eu pisava lá, uma onda tomava o meu corpo. A melhor sensação que já tive em toda a minha vida. Amor, paz, fé, saudade... Tudo junto. E naquele dia que eu vi Ana Clara e Wesley lá, juntinhos, vendo o pôr do sol... Foi lindo. Eu desejei tanto, mas tanto que tudo fosse mais fácil pra... mim. É, espero que esses dois possam ser muito felizes onde quer que eles estejam.
Aliás, espero que todos os meus amigos possam ser felizes sempre. Eles merecem pela quantidade de vezes que eles foram capazes de me fazer feliz apenas com um sorriso.
Adeus, 2010, adeus...

Tanto medo eu senti, tanta coisa eu vi passar. E hoje me arrependo do que eu não fiz, mas eu vou tentar continuar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário