terça-feira, 12 de abril de 2011


Rose: Eu te amo, Jack.

Jack: Não faça isso. Não se despeça. Ainda não, entendeu?

Rose: Estou com tanto frio.

Jack: Ouça, Rose. Você vai sair daqui, você vai viver e ter muitos filhos. E vai vê-los crescer. Vai morrer bem velhinha, aquecida em sua cama. Não aqui, não esta noite. Não assim, entendeu?

Rose: Não sinto meu corpo.

Jack: Ganhar essa passagem foi a melhor coisa que já aconteceu comigo. Ela me trouxe até você, e agradeço muito por isso, Rose. Agradeço. Você deve me fazer essa honra. Tem que prometer que vai sobreviver. Que não vai desistir, não importa o que aconteça, mesmo que não haja esperança. Prometa Rose, e não se esqueça dessa promessa.


Nobody's perfect.

Nenhum comentário:

Postar um comentário