sábado, 11 de junho de 2011

I miiiss you!


Faz tanto tempo que não escrevo coisas minhas alegres aqui. Só escrevo para falar que as coisas mudam, que estou cansada, que quero que o ano acabe e blá blá blá. Sou irritante! Mas é isso mesmo. Antigamente eu vivia dizendo aqui que 2010 era horrível, que eu queria que 2011 chegasse logo... Porém, comigo as coisas tendem a piorar. Resumindo: esse ano está sendo pior que antes. Eu só faço estudar, acordo cedo demais, não consigo me acostumar com tudo do colégio. Enfim, é complicado, sabe? Mas eu vou fazer o que? Minha mãe já disse que eu terei de me formar lá, ou seja, terei de aguentar mais 2 anos.
Eu estava olhando umas fotos e estava me lembrando do dia 21/05 do ano passado. Eu, Yasmin e Mayara dormimos na casa de Bia/Bianca. A gente pôs os pés na piscina. Depois fomos dormir e eu fui a primeira, pois estava morrendo de sono. As meninas ficaram assistindo a O Exorcista. No outro dia, eu (com uma cólica de matar) fui ao colégio com Bianca. Ela jogou basquete (era Jogos Internos) e eu fiquei "torcendo". Está entre aspas porque fiquei sentada, muito estressada, dando foras em todo mundo. Eu estava com cólica, posso? Depois que o remédio fez efeito, fiquei legal, haha. Quando eu e Bianca voltamos, foi muito legal. Lembro-me que nós quatro andamos de buggy pelo Janga. E eu, claro, fiquei gritando como louca. Nós tomamos sorvete também. Foi lindo aquele dia.
O dia do churrasco à noite foi lindo também. Eu ri tanto...
Aliás, nós já demos muitos sorrisos juntas. No colégio, na casa de Yasmin, na casa de Bia/Bianca, na minha casa, nos shoppings, no Mirabilândia, na Blue Angel... Foram sorrisos à toa, sorrisos de verdade. Mas não é só dos sorrisos que sinto falta. É da presença. Só de estar com elas eu me sinto feliz, porque sei que são minhas amigas de verdade. E, tenho certeza, se nós estivéssemos estudando juntas, nós estaríamos felizes.
Quando eu ficar velhinha, eu vou contar aos meus netinhos (se eu tiver) tudo o que eu já vivi na minha vida com meus amigos, no Marista... tudo! Eu vou ter muita coisa para lembrar... E é isso o que importa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário