domingo, 16 de outubro de 2011

Be happy!


Olá, Blog.
Hoje é um dia ensolarado, bonito, calmo. Tudo está normal.
Exceto eu mesma. Acho que nunca estou em paz comigo mesma. Mas sabe, não estou nem aí. Sinceramente, eu estou cansada de ficar me preocupando, de ficar me importando, de ficar pensando. O tempo passa e a gente muda. Muda a fisionomia, mudam as opiniões e até algumas características "psicológicas".
Sabe, é claro que se eu pudesse voltar no tempo, eu mudaria tudo. Começaria mudando pelo Marista. Bem, talvez não mudaria, mas sim viveria tudo aquilo de novo. Depois, eu mudaria algumas coisas que, mesmo que tenham me feito crescer, foram desnecessárias. Aí sim seria ótimo. Contudo, nada pode ser mudado. As coisas são o que são.
Mas enfim, 2011 está chegando ao fim. Há uma frase que diz "Havia lágrimas em seus olhos, mas em seu coração, havia chamas de esperança", e assim estou eu. Por mais que no fundo exista vestígios de dor, há também uma esperança, uma fé enorme. Tudo mudará a partir de 30 de novembro. Eu vou sair nessas férias com minhas amigas (e Mary, que vai passar as férias aqui em Pernambuco) e vamos sorrir muito! E em 2013 eu estarei no 3º ano (se Deus quiser). Em 2014 eu tenho possibilidades de estar numa universidade. Acho que não, porque Direito é um curso muito concorrido, mas eu vou tentar. E assim por diante... 
Eu realmente não sei quais foram os planos de Deus, mas sei que Ele sabe o que fez. Tinha de acontecer. Mesmo que, apenas para mim, tenha sido, sei lá, desastroso(?), Deus quis assim. 
Agora eu só tenho um pedido a fazer... Queria que Deus colocasse logo a "pessoa certa" na minha vida. Está entre aspas porque não existe essa pessoa certa. Existem pessoas que nos fazem felizes apenas pelo que são. Eu quero amá-lo muito0, e quero que ele me ame. Talvez não da maneira como eu sonhei, com todo aquele romantismo, mas eu quero que seja verdadeiro. Quero me casar, quero olhar as estrelas com ele, quero ter meus gatuxinhos. Eu quero que ele exista, que não pertença só aos meus sonhos. Faça ele existir, meu Deus. Faça com que ele apareça pra mim logo. Eu o quero, e sinto a sua falta, mesmo sem saber quem ele é, onde está, o que está fazendo...
Amo você, Blog.

Nenhum comentário:

Postar um comentário