quinta-feira, 28 de julho de 2011


Faltava algo. Algo que não podia ser preenchido com palavras. Faltava alguém.

Caio Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário